Em Março, o mês da mulher, decidimos falar um pouco sobre várias mulheres que deixaram suas marcas além do seu próprio tempo. Começando hoje com Audrey Hepburn, a eterna bonequinha de luxo.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Nascida na Bélgica, Audrey Hepburn é definitivamente uma das atrizes que mais fez sucesso em Hollywood. Com uma história digna de um filme, tinha sangue azul por nascimento: a mãe baronesa, Ella van Heemstra, era descendente de reis franceses e ingleses. Apesar disso, ela passou boa parte da infância em meio às agruras da Segunda Guerra, chegando a ficar anêmica por falta de alimentação e a ver parentes próximos serem assassinados.

Começou a fazer balé ainda criança, mas foi desencorajada pela própria professora, por causa de sua altura. Seguiu então com a carreira de atriz, que se tornou um sucesso. O filme que a consagrou, Breakfast at Tiffany’s (no Brasil, Bonequinha de Luxo), também imortalizou o modelo da Givenchy.  O clássico “pretinho básico” se tornou peça fundamental em guarda-roupas femininos de várias partes do mundo.

Audrey faz parte do seleto grupo de artistas que ganhou os principais prêmios do teatro (Tony), cinema (Oscar), música (Grammy) e televisão (Emmy). Casou-se duas vezes e teve dois filhos: cada um fruto de uma união. No final da década de 1980, tornou-se Embaixatriz da Unicef e participou de missões humanitárias em vários países ao redor do mundo. Talvez este tenha sido o seu mais importante trabalho, mesmo nem sempre sendo lembrado. Faleceu em 1993, aos 63 anos, vítima de câncer de apêndice. Segundo pesquisa realizada no Reino Unido, a atriz foi eleita como a mais bonita da história, deixando para trás ícones como Angelina Jolie e Cameron Díaz.

Para Nicola Moulton, editora de beleza da Vogue inglesa, Audrey tinha uma “beleza atemporal”. Para ela, “por definição, uma beleza cinematográfica deve ser espetacular em movimento, e não só nas fotografias”.

Mais do que um rosto bonito, Audrey Hepburn tinha talento, determinação e foi um ótimo exemplo para quem luta para alcançar os seus objetivos. Sem dúvidas, uma mulher que fez história.

Conheça também a história de outras mulheres que marcaram o século: Coco Chanel, Marilyn MonroeCarmen Miranda, Oprah Winfrey, Amelia, Elis Regina e Grace Kelly.

Anúncios