Tags

, , , ,

Foi a partir do século 20 que os perfumes unissex começaram a ser introduzidos no mercado perfumista. Quem deu o pontapé inicial para a criação desse tipo de perfume foi a Calvin Klein. Entendendo que essa era uma tendência mundial, lançou o CK One em 1994. A fragrância de aroma cítrico e aromático, com toques frutados de abacaxi, mamão, mandarina, limão e bergamota.

Houve uma quebra do paradigma que diz: mulheres são mais femininas e delicadas e por isso o perfume precisa ser doce e intenso, já para os homens são fragrâncias mais fortes, picantes e amadeiradas. Perfume tem a ver com personalidade. Nem todas as mulheres são como rosas delicadas, assim como nem todos os homens são seres insensíveis.

Por ter essa necessidade de agradar homens e mulheres, as fragrâncias unissex precisam conter componentes que não irritem e que não seja possível distinguir o gênero de quem usa a partir do cheiro. Tarefa difícil, mas não impossível.
Perfume unissex é sinônimo de sofisticação, elegância e modernidade.

Quer exemplos? Então confira as dicas:

EAU Sauvage da Dior

Le Bateleur 1 de D&G

CK One Summer

CK Be

Anúncios